Foto: REUTERS / Luke MacGregor

A empresa tinha um contrato de £ 284 milhões para fornecer 10.400 funcionários para eventos olímpicos, mas não podia fornecer pessoal suficiente.

Cerca de 18.000 soldados prestaram apoio em Londres 2012, incluindo o Exército, a Marinha Real e a Força Aérea Real, alguns dos quais tiveram suas férias adiadas.

A doação da G4S será destinada a organizações esportivas e de bem-estar das forças armadas.

A empresa já havia descrito seus fracassos como uma “bagunça humilhante” e foi forçada a se desculpar. Cerca de 4.700 membros das forças armadas tiveram que se posicionar como resultado do déficit da empresa.

Fonte: BBC